O prefeito de São Gonçalo, José Luiz Nanci, está em Brasília nesta semana, aonde vem participando de uma série de reuniões com ministros e representantes de diversos órgãos do governo federal. Após ter assumido o executivo gonçalense falido e com dívidas na ordem de R$ 600 milhões, em janeiro passado, o prefeito também se viu em situação difícil, por não ter como contar com a ajuda do governo estadual, que também atravessa crise financeira sem precedentes.

Até o momento, a viagem à Brasília proporcionou ao prefeito importantes encontros. Em reunião com o ministro da Saúde, Ricardo Barros, Nanci solicitou verbas para a manutenção das Unidades de Pronto Atendimento (UPAS) e para as unidades de Acolhimento. A conversa também envolveu pedidos de emendas parlamentares para o município.

“Um dos meus compromissos com a população gonçalense é fazer a saúde atender bem as pessoas. Dentro desse objetivo, quero manter as UPAS funcionando com todos os equipamentos possíveis, para promover atendimentos de qualidade, cada vez mais humanizado e com respeito aos cidadãos”, afirma o prefeito.

Em outra rodada de negociações, José Luiz Nanci se reuniu com o Ministro das Cidades, Bruno Araújo, e discutiu a viabilidade de tornar realidade o projeto de construção do corredor viário rápido para o transporte coletivo (BRT), que prevê estações do centro de Niterói a Alcântara, em São Gonçalo.

“Além do BRT, aproveitei a oportunidade para solicitar a construção de unidades do programa Minha Casa Minha Vida, no bairro Fazenda dos Mineiros. A proposta também inclui um posto de saúde, uma escola e uma creche no local do empreendimento. Verbas federais e emendas para obras também estiveram em pauta”, acrescenta Nanci.

As áreas da Educação e Desenvolvimento Social também foram tratadas pelo prefeito com representantes do governo federal. Felipe Sartori Sigollo, secretário-executivo adjunto do Ministério da Educação, ouviu diversos pedidos do prefeito sobre investimentos nas escolas, em capacitação de profissionais, além de recursos para a construção de novas creches, entre outros.

Na área social, o prefeito conversou com Rogério Nardeli Kohlrausch, assessor do ministro do Desenvolvimento Social e Agrário. Foram abordados temas como o Minha Casa Minha Vida e programas sociais do ministério, com o intuito de oferecer melhores condições de vida às famílias mais necessitadas, em posição de vulnerabilidade social.

Conseguir apoios para segurança pública, cultura e lazer, entre outros setores tão necessários para o desenvolvimento do município, também estão entre os planos do prefeito, que retornará nesta quinta-feira (30) para São Gonçalo.

ARTIGOS SEMELHANTES

sem comentários

Deixe uma resposta